Monthly Archives: janeiro, 2017

Cinco presos foram mortos durante uma rebelião dentro na Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, no Centro de Manaus,  segundo o secretário de Administração Penitenciária do estado, Pedro Florêncio.

A rebelião foi iniciada  por volta das 1h30 da madrugada deste domingo (8).

Policiais da Companhia de Operações Especiais (COE), Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam), Batalhão de Choque e Grupo Força Especial de Resgate e Assalto (Fera) foram acionados e conseguiram controlar o motim no início da manhã.

Três presos foram decapitados. Colchões foram queimados

O Instituto Médico Legal (IML) fez a remoção dos corpos ainda durante a madrugada.

De acordo com informação ainda não confirmada, os detentos reivindicam melhores condições dentro do presídio, que foi reativado há uma semana para abrigar integrantes da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC), após o massacre que deixou 56 mortos no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj) e quatro da Unidade Prisional do Puraquequara.

ATENÇÃO! IMAGENS FORTES!

Fonte: Portal do Zacarias

Dados do Ministério da Saúde mostram que, em 2016, foram registradas 1.982 mortes em decorrência da influenza A (H1N1); no total, foram notificadas 2.220 mortes pelos diversos tipos de influenza; segundo o levantamento, 69% das mortes são de pessoas com fatores de risco, sendo que 42% são maiores de 60 anos de idade; outros 29% das vítimas tinham doença cardiovascular crônica

Aline Leal – repórter da Agência Brasil

Dados do Ministério da Saúde mostram que, em 2016, foram registradas 1.982 mortes em decorrência da influenza A (H1N1). No total, foram notificadas 2.220 mortes pelos diversos tipos de influenza. Segundo o levantamento, 69% das mortes são de pessoas com fatores de risco, sendo que 42% são maiores de 60 anos de idade. Outros 29% das vítimas tinham doença cardiovascular crônica.

No período, foram registrados 54.224 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag), quadro mais complicado da gripe, causado por diversos tipos de vírus, entre eles, o influenza. Em 2016, 7.171 pessoas morreram com esta síndrome.

Em 2016 a incidência do vírus começou mais cedo, com pico em abril. Normalmente o período de maior transmissão é junho, quando começa o inverno. Nos três primeiros meses do ano passado, o número de casos ultrapassou o total de 2015.

Fonte: Brasil 247

A polícia identificou o condutor como um palestino do leste de Jerusalém e informou que ele foi morto a tiros

JERUSALÉM (Reuters) – Um caminhão avançou neste domingo sobre pedestres em uma movimentada avenida em Jerusalém, matando quatro pessoas e ferindo outras 15, de acordo com autoridades policiais e de resgate.

A polícia identificou o condutor como um palestino do leste de Jerusalém e informou que ele foi morto a tiros. O ataque tinha como alvo soldados israelenses que desembarcavam de um ônibus na área de Armon Hanatziv.

“É um ataque terrorista, um ataque de colisão“, disse uma porta-voz da polícia à Radio Israel. A polícia afirmou que os mortos, três mulheres e um homem, tinham todos cerca de 20 anos, mas não forneceu detalhes adicionais sobre as vítimas. Em Israel, as mortes de soldados são divulgadas somente depois que as famílias são notificadas.

Um motorista de ônibus que testemunhou o incidente afirmou na rádio que o caminhão se chocou contra um grupo de soldados, e que eles atiraram contra o motorista, que deu ré e passou por cima deles mais uma vez.

“Eles atiraram nele, até neutralizá-lo”, disse o motorista de ônibus, que se identificou apenas como Moshe. Emissoras israelenses informaram que o motorista foi morto, e imagens mostravam buracos de bala no para-brisa do caminhão.

Conforme canais de TV locais, ao menos quatro pessoas foram mortas e cerca de 15 feridos estavam espalhados pelas ruas de Armon Hanatziv, com vista para a Cidade Velha de Jerusalém.

Fonte: Exame.com

Por ora, serão atendidas solicitações do AM, RO e MT, mas ministro da Justiça diz que mais cooperações com outros estados podem ser anunciadas hoje

Brasília – O Ministério da Justiça informou neste domingo, 8, que autorizará o envio de ajuda federal para Estados que vivenciam crises no setor penitenciário. Por ora, está definido que serão atendidas solicitações feitas por Amazonas, Rondônia e Mato Grosso. O ministro Alexandre de Moraes está em negociação com autoridades de outros governos estaduais e deve, até o fim do dia, anunciar mais cooperações.

As providências estão sendo tomadas após massacres no Amazonas e em Roraima deixarem um saldo de 99 mortos nos primeiros dias do ano. Outros Estados estão em alerta, ante o risco de confrontos entre facções criminosas que dominam os presídios.

O Ministério da Justiça explicou que o auxílio será providenciado conforme a necessidade manifestada por cada Estado. Segundo a pasta, não têm sido feitos pedidos de envio de tropas da Força Nacional de Segurança.

Para o Amazonas, que já registra 64 presos mortos este ano, após confrontos entre facções criminosas, será enviado pessoal do Departamento Penitenciário Nacional (Depen). A ideia é que a equipe integre uma força integrada de atuação, que auxiliará na gestão do sistema prisional.

O ministério informou que estão previstos também investimentos para modernizar e dotar as penitenciárias de Rondônia e Mato Grosso de equipamentos de monitoramento e segurança, conforme acordado com os Estados. A pasta informou que detalhes da ajuda só serão divulgados, possivelmente, ao fim do dia, após as tratativas do ministro com as autoridades locais. No caso de Roraima, que registra 33 mortos em prisões este ano, o ministério alegou que ainda aguarda o detalhamento das demandas pela Secretaria de Estado de Segurança.

Fonte: Exame.com

COMUNICADO

A direção do CE. Eng. Roberto Cunha, informa qua os boletins já estão prontos. Os discentes já podem acessar o SIAEP e fazer a  impressão dos seus documentos no sistema.

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) informa aos gestores que será creditado na próxima terça-feira, 10 de janeiro, nas contas das prefeituras brasileiras, o repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) referente ao 1.º decêndio do mês de janeiro de 2017. O montante previsto será de R$ 2.369.090.905,86, já descontada a retenção do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

A CNM esclarece que em valores brutos, isto é, incluindo a retenção do Fundeb, o montante é de R$ 2.961.363.632,33. De acordo com a série histórica do FPM, esse 1.º decêndio de janeiro de 2017 quando comparado com o valor do primeiro decêndio de janeiro de 2016, houve crescimento de 14,34% em termos nominais, ou seja, comparando os valores sem considerar os efeitos da inflação. Quando se considera o valor real dos repasses, levando em conta as consequências da inflação, o decêndio apresenta crescimento de 9,27%.

Diante disso, a CNM alerta os gestores municipais para que estejam atentos aos seus planejamentos financeiros. A entidade reforça que neste momento de crise é extremamente importante que o gestor tenha pleno controle das finanças da prefeitura, uma vez que o País se encontra em desaceleração econômica.

A Confederação lembra ainda que a principal fonte de renda dos Municípios, o FPM, oscila ao longo do ano por conta de mudanças na economia, como a queda na venda de automóveis, redução na arrecadação do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), bem como aumento da taxa de desemprego que resulta na queda da arrecadação do Imposto de Renda (IR).

Essa situação impacta direta e negativamente na decisão de consumo dos agentes. Também reduz a arrecadação tributária e, consequentemente, as transferências constitucionais como o FPM.

Veja aqui a Nota completa com valores.

FONTE: CNM

Líder da Igreja Mundial do Reino de Deus sofre atentado de morte. Saiba mais

Na manhã deste domingo, vídeos publicados pela família do pastor Valdemiro Santiago indicam que ele sofreu um atentado contra sua vida. Ainda não sabe ao certo o que aconteceu. No entanto, as informações extraoficiais dão conta de que um homem, em pleno culto realizado na manhã deste domingo, 8, apareceu atrás do religioso e tentou matá-lo. O homem estaria disfarçado de fiel e aproveitou que o pastor orava para desferir uma facada em seu pescoço. De acordo com informações do site ‘Notícias Gospel Prime’, o atentado foi mesmo realizado em pleno culto. O homem tentou matar Valdemiro com um facão afiado e já teria sido preso. O site divulgou fotos do suspeito de tentar acabar com a vida do líder da Igreja Mundial do Reino de Deus.

Em vídeos publicados na internet, que podem ser vistos ao final dessa reportagem, o próprio pastor confirma que sofreu um atentado. Ele publicou até mesmo uma foto do corte profundo que sofreu no pescoço. Mesmo após levar muitos pontos na região, ele ainda sangrava. O religioso está com sua esposa em um hospital, que até agora não teve o seu nome revelado. Ele deve passar no local os próximos dias em observação, mas aparentemente, seu estado de saúde é muito bom, pois ele fala nos vídeos que ganharam a web.

Preço médio da gasolina alcançou R$ 3,762 o litro na semana encerrada no dia 6; alta do combustível em 4 semanas soma 1,92%; em 2016, preço subiu 3,3%

O preço médio da gasolina no país subiu na primeira semana de 2017 e atingiu R$ 3,762 o litro, um valor acima do registrado em todas as semanas de 2016. O reajuste de preços foi registrado em 18 estados.

Os dados são de levantamento divulgado nesta sexta-feira (6) pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), que monitora semanalmente os preços dos combustíveis no país.

Os dados mostram que o reajuste da gasolina ganhou fôlego a partir de dezembro do ano passado, quando a Petrobras aumentou o preço da gasolina nas refinarias. Apenas nas últimas quatro semanas, o valor do combustível subiu 1,92%. Em todo o ano de 2016, o preço da gasolina se apreciou 3,3%, abaixo da inflação. Na semana, a alta foi de 0,18%.

Já o preço do diesel registrou uma leva queda na primeira semana do ano, interrompendo uma sequência de quatro semanas consecutivas de alta de preços, apontam os dados da ANP. O diesel, que encerrou 2016 com o maior valor registrado no ano (R$ 3,051/litro), atingiu um preço médio de R$ 3,046 na primeira semana de 2017.

Já o etanol registrou nesta semana a sua quinta alta consecutiva de preços, de acordo com o levantamento da ANP. O preço médio do litro do etanol no país atingiu R$ 2,863 o litro, alta de 0,67% em apenas uma semana. Em 2016, o etanol foi o combustível com maior alta de preços, um reajuste de 6,88% nos postos de combustível.

Para chegar ao preço médio da gasolina, a ANP consultou 5.670 postos na semana. Para registrar o preço do etanol e do diesel, a agência procurou 5.107 e 3.557 postos de combustível, respectivamente.

Reajuste nas refinarias

Desde outubro a Petrobras pratica uma nova política de definição de preços dos combustíveis, com reuniões mensais para definir os valores da gasolina e do diesel cobrados nas refinarias. Na última reunião, realizada no dia 5, a Petrobras aumentou o preço do diesel e manteve o da gasolina.

Em dezembro, a Petrobras aumentou o preço do diesel e da gasolina. Nas reuniões anteriores, em outubro e novembro, a estatal reduziu os preços.

Variação por Estado

Além de uma média nacional de preços, a ANP divulga semanalmente os valores praticados por Estado. Na semana encerrada no dia 6, o Acre foi estado com a gasolina mais cara, de R$ 4,231 o litro. Já a mais barata foi registrada em Pernambuco, uma média de R$ 3,552 por litro.

Veja a preço médio da gasolina por estado e sua variação em relação a semana anterior:

Acre
R$ 4,231, alta de 0,38%

Alagoas
R$ 3,733, queda de 0,35%

Amapá
R$ 3,825, alta de 4,08%

Amazonas
R$ 3,993, alta de 0,15%

Bahia

R$ 3,753, queda de 1,13%

Ceará

R$ 3,9800, queda de 0,18%

Distrito Federal
R$ 3,724, alta de 1,83%

Espírito Santo
R$ 3,740, queda de 1,01%

Goiás
R$ 3,903, sem variação

Maranhão
R$ 3,61, alta de 0,03%

Mato Grosso
R$ 3,782, alta de 0,50%

Mato Grosso do Sul
R$ 3,661, alta de 0,14%

Minas Gerais
R$ 3,827, alta de 0,31%

Pará
R$ 4,093, alta de 0,57%

Paraíba
R$ 3,613, queda de 1,12%

Paraná
R$ 3,694, alta de 0,76%

Pernambuco
R$ 3,552, queda de 1,47%

Piauí

R$ 3,642, alta de 0,69%

Rio de Janeiro

R$ 4,023, alta de 0,52%

Rio Grande do Norte

R$ 3,926, queda de 0,18%

Rio Grande do Sul

R$ 3,909, queda de 0,26%

Rondônia

R$ 3,971, alta de 0,05%

Roraima
R$ 3,884, alta de 0,18%

Santa Catarina

R$ 3,670, alta de 0,22%

São Paulo
R$ 3,605, alta de 0,31%

Sergipe
R$ 3,743, alta de 0,29%

Tocantins
R$ 3,838, alta de 2,18%

Fonte: G1

Homem é encontrado morto no bairro Novo Areal, em Coroatá-MA.

Moradores do bairro do Novo Areal encontraram o corpo de um homem já em estado de decomposição, na manhã desta sexta-feira (6). A vítima foi identificado como Francisco da Conceição, de 62 anos.

Para a polícia, o homem pode ter sido violentado antes de ser assassinado. Também há sinais de tortura.

O corpo de Francisco da Conceição foi encontrado próximo ao Cemitério do Almir, no Novo Areal.

Do Coroatá Online

1 28 29 30 31