Monthly Archives: março, 2017

O crime aconteceu em dezembro de 2016. O vereador foi assassinado com três tiros.

A Polícia Civil (PC) prendeu, em Imperatriz, nessa terça-feira (28), Gabriel Vieira Almeida, 18 anos, acusado de ter assassinado em 8 de dezembro de 2016, o vereador Cezar Augusto Miranda, mais conhecido por Cezar da Farmácia, na cidade de Godofredo Viana.

O crime aconteceu dentro da farmácia, de propriedade do Vereador. A vítima foi morta com três tiros. O acusado foi preso no Bairro São José. Ele havia acabado de chegar em Imperatriz, vindo de Maracassumé, possivelmente para onde fugiu após o crime.

Ex-presidente da Câmara é condenado na Lava Jato por três crimes. Ele ainda é réu em outras duas ações penais

a

Eduardo Cunha preso

Eduardo Cunha: Seu pedido ainda não foi aceito pelo juiz Sérgio Moro (Rodolfo Buhrer/Reuters)

São Paulo – O juiz Sergio Moro, da 13ª Vara Federal do Paraná,  condenou nesta quinta-feira (30) o ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha (PMDB-RJ) no âmbito da Operação Lava Jato.

Ele foi condenado a 15 anos e 4 meses de prisão pelos crimes de corrupção passiva, lavagem e evasão de divisas no caso que envolve a compra do campo petrolífero de Benin, na África, pela Petrobras, em 2011. Essa é a primeira condenação do peemedebista.

Cunha é acusado de ter recebido 1,5 milhão de dólares (ou o equivalente a 4,64 milhões de reais) em propina da compra no valor de US$ 34,5 milhões. O negócio foi capitaneado pela Diretoria Internacional da estatal.

Segundo Moro, o negócio fraudulento teria gerado um prejuízo de 77,5 milhões de dólares para a Petrobras.

“A responsabilidade de um parlamentar federal é enorme e, por conseguinte, também a sua culpabilidade quando pratica crimes. Não pode haver ofensa mais grave do que a daquele que trai o mandato parlamentar e a sagrada confiança que o povo nele deposita para obter ganho próprio”, escreveu.

“A lavagem, no presente caso, envolveu especial sofisticação, com a utilização de não uma, mas duas contas secretas no exterior, em nome de trusts diferentes, com transações entre elas, inclusive com fracionamento quando do recebimento do produto do crime para dificultar rastreamento”, afirmou Moro na decisão.

Além da detenção, o juiz fixou também uma multa para reparação dos danos decorrentes do crime. “Reputo mais apropriado fixar um valor mais conservador, correspondente ao montante da vantagem indevida recebida, de um milhão e quinhentos mil dólares.  (….)  Os 1,5 milhão [de dólares] devem ser convertidos pelo câmbio de 23/06/2011 (1,58) e a eles agregados juros de mora de 0,5% ao mês. Os valores são devidos à Petrobras”.

Cunha está preso desde 19 de outubro de 2016, quando foi detido preventivamente no âmbito da Operação Lava Jato em Brasília. Segundo Moro, o tempo que o peemedebista já passou na prisão será descontado da sentença.

O ex-deputado é alvo de outros cinco inquéritos, dos quais é réu em duas ações penais.

A defesa de Cunha afirma que irá recorrer da decisão. O ex-presidente da Câmara nega as acusações e já chegou a classificar o negócio pelo qual foi condenado como um “ato de burrice ” e não de corrupção.

Homenagem a Teori

Moro aproveitou a sentença de Eduardo Cunha para prestar uma homenagem ao ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal (STF), que morreu em um acidente de avião em 19 de janeiro. Ele afirma, na sentença desta quinta-feira, que o “legado de independência e de seriedade” do ministro não será esquecido e, como deixa, alertou o Congresso sobre uma eventual aprovação do projeto da lei de abuso de autoridade.

Fonte; EXAME.com

Hoje (30), Prefeito PE. JOZIAS esteve em reunião com o secretário de segurança do Estado, JEFFERSON PORTELA. A reunião aconteceu na capital do Maranhão, na oportunidade o PE. JOZIAS, PREFEITO da Cidade de PERITORÓ-MA, solicitou duas motos e uma  viatura para o Município, o secretário comprometeu-se em mandar às motos solicitadas e a viatura dentro de alguns dias.

Prefeito de Verde, secretário de segurança de terno e assessor do prefeito

PREFEITO e o Secretário de segurança.

Ele ficou no banheiro da casa em Sorriso (MT) até a chegada dos policiais. Suposto amante se escondeu em banheiro de casa com medo de agressões.

Amante se escondeu no banheiro com medo de ser agredido (Foto: MTNotícias)

Um homem saiu escoltado da casa de uma mulher em Sorriso, a 420 km de Cuiabá, após serem flagrados pelo marido dela nesta quarta-feira (29). De acordo com a Polícia Militar, o suposto amante se trancou no banheiro da residência até a chegada da polícia. O caso foi registrado no Bairro Jardim Amazonas. A polícia foi acionada pelo marido da mulher.
Segundo a PM, na ligação o marido explicou que havia um homem dentro da casa dele e que este havia sido convidado pela mulher dele.

Ao serem flagrados, o suposto amante se escondeu no banheiro da residência com medo de ser agredido. No local, os policiais tentaram mediar a situação e retirar o homem do banheiro, já que o marido da mulher estava nervoso.

O suposto amante foi escoltado e os três foram levados a uma delegacia para registrar a ocorrência.

G1

O pastor e apresentador do programa Guilherme Grando ficou irritado com a situação

Mulher detona Record ao vivo no “Fala Que Eu Te Escuto”; vídeo

Reprodução/Record TV

Parece a que polêmica entre as emissoras e a TV paga está se tornando uma guerra. Na madrugada desta quarta-feira (29), o assunto sobre a saída do SBT, Record e RedeTV! das operadoras à cabo foi assunto “Fala Que Eu Te Escuto” e a discussão acabou causando saia justa.

Ao convidar o público para participar do programa dando opiniões sobre o caso, uma telespectadora esbravejou ao vivo contra a própria emissora em que estava falando.

Com o nome de Bianca Figueiredo, a mulher afirmou que a Record tinha uma programação apelativa, sem qualidade e ainda acabou classificando o conteúdo oferecido pela emissora como “lixo”.

O pastor e apresentador do programa Guilherme Grando acabou se irritando porque tentava cortar a fala da telespectadora mas não conseguia. 

Armas seriam de uma facção do Bairro de Fátima, em São Luís.
Suspeito é 3º sargento da Polícia Militar do Maranhão.

Do G1 MA

Um sargento da Polícia Militar foi preso na manhã desta quarta-feira (29) suspeito de fazer serviços de manutenção em armas em São Luís, capital do Maranhão. A prisão aconteceu em uma ação da Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico da Polícia Civil.

Segundo a polícia, o suspeito de 37 anos é morador do Bairro de Fátima, onde constantemente há tiroteio entre bandidos que disputam o controle da região. Ele foi identificado como Frankleyton Chaves Botelho que é 3º sargento da PM do Maranhão.

Sargento da PM Frankleyton Chaves Botelho foi preso em São Luís (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Na casa de Frankleyton Chaves Botelho, os policiais encontraram cinco armas e munições, sendo: um revólver cal 38, uma pistola cal. 9 mm e uma cal. 380, duas espingardas, além de 684 munições de calibres diversos (permitidos e restritos). Um valor ainda não divulgado também foi apreendido.

A investigação começou após várias denúncias que davam conta de que na residência do policial existiam várias armas de fogo irregulares, e de que o 3º sargento estaria supostamente fazendo manutenção das armas de membros de uma facção criminosa da região.

Frankleyton Chaves Botelho foi autuado em flagrante e conduzido ao Presídio do Quartel do Comando Geral da PM onde ficará à disposição da justiça.

Armas e munições ilegais foram apreendidas na casa do policial militar em São LUís (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Armas e munições ilegais foram apreendidas na casa do policial militar (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Reitor teria ignorado decisão da Justiça para abrir vagas para deficientes.  Autor da ação sentiu-se prejudicado com atitude do retiro da universidade.

Do G1 MA

O reitor da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), professor Dr. Gustavo Pereira da Costa teve a prisão decretada nesta quarta-feira (29) por ignorar decisão da Justiça que determinava a disponibilização de 5% das vagas do curso de medicina para pessoas com deficiência.

A ação que culminou com a decretação da prisão do reitor tem como autor Thiago do Nascimento Gonçalves que concorre a vaga do Curso de Medicina Bacharelado no Processo Seletivo de Acesso à Educação Superior (PAES), da Universidade Estadual do Maranhão, na modalidade universal, apesar de possuir deficiência física atestada em laudo médico.

O item 2.4.2 do edital do certame prevê reserva de 5% das vagas dos cursos de graduação da UEMA a pessoas portadoras, porém excetuou alguns cursos, como os de formação de oficial da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros, de Arquitetura e Urbanismo e da área de saúde.

Thiago pediu a concessão de tutela de urgência, que foi deferida pela juíza Luzia Neponucena, determinando a participação dele na condição de pessoa portadora de deficiência, de acordo com o item 2.4.2 do edital e, que em caso de aprovação, fosse efetuada a sua matrícula no curso de Medicina. Só que o reitor, devidamente intimado, não cumpriu a decisão judicial.

O estudante então peticionou, pugnando pela sua matrícula no curso de Medicina Bacharelado, conforme o edital de convocação 01/2017-PROG/UEMA, no período de 13 a 24/02/2017, no prazo de 48 horas, requerendo ainda a juntada do espelho de correção das provas discursivas e da cópia da prova aos autos. Novamente intimado, para cumprimento da liminar em 48 horas, o reitor, outra vez, deixou de cumprir a decisão, o que levou a juíza a decretar a sua prisão em flagrante.

No mandado de prisão, a magistrada ordena que o oficial de justiça encarregado da diligência conduza o reitor até a delegacia de polícia mais próxima, para a lavratura do auto de prisão em flagrante. A Uema ainda não se posicionou sobre o caso.

 

Serão quatro sessões, duas na terça-feira, uma na quarta e a última na quinta; o ministro Herman Benjamin dará início com a leitura do relatório da ação

Brasília – O rito para o julgamento da chapa DilmaTemer no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na semana que vem já está definido.

Serão quatro sessões, duas na terça-feira, uma na quarta e a última na quinta.

O ministro Herman Benjamin dará início aos trabalhos com a leitura do relatório da ação, com o resumo das diligências feitas, depoimentos e provas coletados, perícias, e providências solicitadas pelo relator durante a fase de instrução processual.

O presidente do TSE, ministro Gilmar Mendes, concederá em seguida a palavra, da tribuna, aos advogados de acusação e aos de defesa das partes envolvidas na ação, nessa ordem.

Logo após, será a vez das ponderações do representante do Ministério Público Eleitoral (MPE).

O regimento da Corte diz que cada uma das partes poderá falar pelo prazo de 15 minutos.

Depois de encerradas todas as etapas, Herman Benjamin apresentará o seu voto.

Na sequência votam os ministros Napoleão Nunes Maia; Henrique Neves; Luciana Lóssio; o vice-presidente do TSE, ministro Luiz Fux; a ministra Rosa Weber e, por último, o presidente da Corte Eleitoral, ministro Gilmar Mendes.

Um eventual pedido de vista, porém, pode adiar o desfecho do caso.

O calendário de julgamento da ação foi definido nesta terça-feira, 28, à noite.

O TSE fará uma maratona de sessões na próxima semana, iniciando o julgamento em uma sessão extraordinária marcada para a terça-feira pela manhã.

Para ministros ouvidos pela reportagem, o ritmo acelerado que Herman impôs ao processo também foi uma forma de fazer com que o julgamento fosse realizado pela atual composição da Corte.

Antes, portanto, que os ministros Henrique Neves e Luciana Lóssio encerrem seus mandatos no tribunal. Henrique deixará o TSE no dia 16 de abril e Luciana, em 5 de maio.

Apesar das críticas aos prazos fixados, o gesto de Herman foi interpretado por colegas como uma maneira de preservar a instituição, reduzindo a possibilidade de que ministros que venham a ser nomeados por Temer participem do julgamento.

Hoje (29) no inicio da  noite um celta que saiu de independência   para LIMA CAMPOS  capotou no POVOADO SÃO PEDRO. o veículo estava com quatro homens incluindo o motorista, o motorista foi identificado como, ALISON, os demais foram identificados como, LUCIANO TAVARES, GEISON e WALRIO.  Dois deles sofreram ferimentos e fatura, Luciano sofreu uma pancada na cabeça, Geison quebrou a clavícula,  mas todos foram levado ao hospital geral de Peritoró-MA, ambos estão estável e sem risco de vida. Essas são ás informações que chegaram até ao blog.

CELTA

1 2 3 4 28
https://api.clevernt.com/0afa428e-0adf-11ea-8f8b-2a8506f909e7/