Connect with us
Hora

Notícia Geral

Durante a pandemia, número de divórcios aumentou 79% no Maranhão

O Maranhão é o 4º colocado no Brasil em número de divórcios durante a pandemia do novo Coronavírus.

Publicado

em

Durante a pandemia, número de divórcios aumentou 79% no Maranhão

O número de divórcios consensuais realizados pelos cartórios de notas do Maranhão, durante a quarentena decretada pela pandemia do novo coronavírus, entre os meses de maio e junho deste ano, aumentou 79%. O Estado está, aliás, entre os 24 Estados do país que apresentaram maior crescimento.

No Brasil, o aumento foi de 18,7%. O aumento coincide com a autorização nacional para que divórcios, inventários, partilhas, compra e venda, doação e procurações possam ser feitos de forma remota, por videoconferência por meio da plataforma e-Notariado.

Desde maio, o Provimento nº 100, editado pela Corregedoria Nacional de Justiça, disciplinou a realização de atos à distância pelos cartórios de notas de todo o país. Desta forma, atos de divórcios consensuais e que não envolvam menores passaram a ser resolvidos de forma mais prática e rápida, sem a necessidade de deslocamentos ou encontros entre as partes, ao mesmo tempo ou em momentos distintos, utilizando inclusive o aparelho celular.

Mais dados 

Em números absolutos, os divórcios consensuais passaram de 4.471 em maio para 5.306 em junho de 2020. Houve crescimento em 24 Estados brasileiros, especialmente no Amazonas (133%), Piauí (122%), Pernambuco (80%), Maranhão (79%), Acre (71%) Rio de Janeiro (55%) e Bahia (50%). Segundo o levantamento, apenas três unidades federativas não viram crescimento neste período: Amapá, Mato Grosso e Rondônia.

“Muitos atos notariais, não só os divórcios, mas também as escrituras de compra e venda de imóveis, estavam represados em razão da pandemia e do isolamento social, e a autorização para a prática de atos online destravou esta barreira, fazendo com o que o fluxo dos negócios jurídicos e da formalização da vontade das partes pudesse voltar a ser feito, agora também de forma online, mas com a mesma segurança que o ato praticado presencialmente em cartório”, explica a presidente do Colégio Notarial do Brasil – Conselho Federal, Giselle Oliveira de Barros.

Na comparação com o mês de junho de 2019, também houve uma leve alta em nível nacional, 1,9%. Ao todo, 15 unidades da Federação registraram crescimento: Amazonas (30%), Distrito Federal (8,5%), Espírito Santo (18,4%), Goiás (33,8%), Minas Gerais (13,5%), Mato Grosso do Sul (36,1%), Mato Grosso (14,9%), Paraná (21,8%), Rondônia (31,2%), Roraima (100%), Rio Grande do Sul (7,8%), Santa Catarina (28,3%), Sergipe (40,9%), Tocantins (5,3%) e São Paulo (1,9%).

Segundo o Colégio Notorial do Brasil, por causa das restrições ou redução de horário de funcionamento online e presencial e da diminuição das equipes de atendimento no início da pandemia, nos meses de março e abril, o número de atos em cartórios caiu drasticamente.

Regras

Para realizar o divórcio em Cartório de Notas, o casal deve estar em comum acordo com a decisão e não ter pendências judiciais com filhos menores ou incapazes. O mesmo processo pode ser realizado online a partir da plataforma e-Notariado, onde o casal, em posse de um certificado digital emitido de forma gratuita no Cartório de Notas, poderá declarar expressar sua vontade em uma videoconferência conduzida pelo tabelião. Desde o dia 13 de julho, os serviços desta plataforma também estão disponíveis em aparelhos celulares.

G1/MA

 

Notícia Geral

É hoje! música gospel na live cultural dos 125 anos de Codó

Transmissão pelo canal do YouTube CULTURADECODO

Publicado

em

Por

Nesta segunda-feira (19), quarto dia de programação especial da Prefeitura Municipal de Codó, por meio da Secretaria de Juventude, Cultura e Igualdade Racial.

As apresentações contarão com a presença de cantores e bandas do seguimento gospel, serão 3 dias de apresentações dos cantores e bandas evangélicas, dias 19, 20 e 21 de abril, em comemoração aos 125 anos de Codó.

Participação de Bandas Ministeriais e Cantores (as) solos do seguimento evangélico.

Dia 19 ( segunda )

18h30 às 18h50 – Daniel Sena
19h às 19h20 – Diogo Bass
19h30 às 19h50 – Taline Holanda
20h às 20h20 – Irmão Carlos Henrique.
20h30 às 20h50 – Zé Maria
21h às 21h20 – Natali Nartene

21h30 às 22h30 – Ministério IBANMIC

Dia 20 ( terça )

18h30 às 18h50 – Cantor Rodrigues
19h às 19h20 – Michelane Lima
19h30 às 19h50 – Magno Freitas
20h às 20h20 – Wagno Cristão
20h30 às 20h50 – Cleudiane Almeida
21h às 21h20 – Nicoly Souza

21h30 às 22h30 Ministério Levita

Dia 21 ( Quarta )

18h30 às 18h50 – Elicio Marques
19h às 19h20 – Erica Fontes
19h30 às 19h50 – Nilde Lima
20h às 20h20 – Zaira Verônica
20h30 às 20h50 – Andre Medeiros
21h às 21h20 – Joice Vitória
21h30 às 21h50 – Taciane Lima

22h as 23h – Banda Nova Estrada

Continuar Lendo

Notícia Geral

Dr. Suelson Sales, ex-Secretário de Saúde do governo Francisco Nagib, poderá ser o novo Secretário de Saúde do governo Dr. Zé Francisco

Fato ou fake? Dr. Mário Braga vai cair?

Publicado

em

Por

Dr. Mário Braga vai cair?
No governo do prefeito de Codó Dr. Zé Francisco, circula nos bastidores a informação que Dr. Mário Braga, médico e atual Secretário de Saúde do município, poderá cair, se isso realmente acontecer, será o primeiro secretário a ser substituído, isso mostra a fragilidade do governo.

Para o seu lugar, existe a especulação do ex-Secretário de Saúde de Codó, o advogado Dr. Suelson Sales ser cogitado a assumir a pasta, isso é o que consta nos bastidores político da cidade de Codó, aguardamos nas próximas horas para que essas informações se confirmem ou não. Será?

Continuar Lendo

Notícia Geral

Vereador Tiago Lopes lidera oposição e veta Projeto na Câmara Municipal de Lago do Junco-MA

Em Lago do Junco, vereadores de oposição vetam Projeto.

Publicado

em

Por

Nesta sexta-feira, 16 de abril, às 08h:00min, foi realizada a sessão ordinária da Câmara Municipal de vereadores do município de Lago do Junco-MA. Foi colocado em votação o Projeto de Lei e parecer de número 001/2021 que o vereador Tiago Lopes e demais vereadores de oposição votaram contra, em virtude do município ter mais de dez anos sem concurso público.

Além disso, o voto do vereador Zeca Leopoldo (PT), foi impugnado pelo grupo de vereadores oposicionistas, o motivo foi que o vereador Zeca, chegou mais de trinta minutos atrasado na sessão, a sessão também contou com a presença do Dr. Enoc Lopes, advogado e ex-prefeito do município de Lago do Junco.

“Rejeitamos o projeto em razão do município ter mais de dez anos sem a realização de concurso público, a contratação da forma como eles querem fazer fere o artigo trinta e sete da constituição federal, bem como o regimento interno, o vereador Zeca Leopoldo chegou mais e trinta minutos atrasado, razão pela qual nós vereadores de oposição vetamos o voto dele, ora, só temos sessão uma vez na semana, todos são avisados com sete dias antes, ainda assim, o companheiro atrasa, é uma falta de respeito com o povo e com seus colegas que fazem um grande esforço para chegarem no horário”, disse Tiago Lopes, advogado e vereador do município.

Continuar Lendo

Destaques da Semana