Connect with us
Hora

Educação

Felipe Camarão faz entrega de mais Escolas Dignas e IEMA Vocacional pelo Maranhão

Felipe Camarão percorreu o sertão maranhense, em Colinas, logo após em Presidente Dutra e em seguida, em Capinzal e Barra do Corda.

Publicado

em

O secretário de Estado da Educação Felipe Camarão, nesta última quarta-feira (13), cumpre agenda extensa pelo Maranhão e entrega Escolas Dignas e IEMA Vocacional.

Entregue o IEMA Colinas Professora Maria das Graças Saraiva Barroso!
A primeira parada hoje foi em Colinas, no Sertão Maranhense, para entregar mais uma #EscolaDigna: a Unidade Plena do IEMA.
“O prédio ficou belíssimo e agora será a casa de conhecimento de 160 estudantes colinenses. Avante!”, expressou o secretário.

“É uma alegria muito grande voltar a Presidente Dutra para entregar a reconstrução do Centro Educa Mais Remy Soares e a reforma das #EscolasDignas Wabner Américo e Murilo Braga, obras realizadas em parceria com o município. Só se transforma verdadeiramente as vidas das pessoas por meio da educação e é isso o que o governo Flávio Dino tem feito. Avante!”, disse Felipe Camarão.

Para fechar esse dia de conquistas para a Educação no Maranhão, após a entrega de quatro #EscolasDignas, certificamos mais de 300 pessoas em cursos profissionais do IEMA Vocacional, ofertados em Capinzal e Barra do Corda.
“Educação e oportunidades andam juntas e esse é o foco do governador Flávio Dino, o governador da Educação. Amanhã tem mais certificação em Codó junto com a Caravana Escola Digna 2.0 na cidade. Avante!”, finalizou o secretário Felipe Camarão.

Educação

FELIPE CAMARÃO PARTICIPA DO 1° ENCONTRO DOS ESTUDANTES DA AMAZÔNIA REALIZADA PELA A UNE, EM SÃO LUÍS

O evento contou com o apoio do Governo do Estado, por intermédio da Secretaria de Estado da Educação (Seduc).

Publicado

em

Por

Com o intuito de debater com a juventude estudantil as medidas necessárias para o desenvolvimento econômico sustentável na região amazônica, bem como refletir sobre os atuais danos causados pela exploração predatória do bioma amazônico, a União Nacional do Estudantes (UNE) realizou, até sábado (4), o 1º Encontro dos Estudantes da Amazônia, em São Luís do Maranhão. O evento contou com o apoio do Governo do Estado, por intermédio da Secretaria de Estado da Educação (Seduc).

Secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão, no 1º Encontro dos Estudantes da Amazônia realizado pela UNE, em São Luís

Durante o encontro, o secretário de Educação, Felipe Camarão, destacou a importância do debate e ressaltou que a Educação é fator essencial para acabar com o preconceito e estabelecer o desenvolvimento social e econômico de uma sociedade.

“Devemos buscar soluções para os atuais problemas ambientais que ameaçam a Amazônia e o desenvolvimento sustentável da região e também combater outros males, que assolam o país. Não há mais espaço para uma sociedade machista, homofóbica, racista, que não respeita as religiões e os povos tradicionais, e isso se resolve, também, com educação. É por isso que devemos apostar muito em educação como fator de desenvolvimento de uma sociedade”, proferiu Camarão.

Bruna Brelaz, presidente da UNE, agradeceu o governo pelo apoio dado ao evento e se emocionou ao falar sobre o papel das escolas em tempo integral, que tiveram importância significativa em sua vida. Brelaz também destacou as ações no Maranhão, destaque, hoje, no fortalecimento do ensino em tempo integral.

“Queremos muito agradecer o secretário Felipe Camarão por esse momento. Eu estudei em escolas em tempo integral e graças a isso a minha mãe pôde trabalhar para nos sustentar. Esse momento é muito representativo para mim. Sei que o Maranhão investe em educação e as escolas em tempo integral possuem professores de qualidade, onde os alunos têm condições de ingressar em uma universidade”, exprimiu.

O 1º Encontro dos Estudantes da Amazônia teve o apoio do Governo do Estado

A programação do Encontro trouxe diversas atividades, como mostra científica, debates, oficinas, ato político em defesa da Amazônia, festival dos estudantes da Amazônia, entre outras atividades, que discutiram o “Papel da Educação e da Ciência na Preservação e no Desenvolvimento da Amazônia”; “Amazônia em Disputa: Modelos de Desenvolvimento e Preservação”; “Perspectivas e Desafios no campo da Cultura e Arte Amazônica, entre outros de relevância para a preservação da Amazônia.

Presente ao evento, a coordenadora da Escola Ambiental do Maranhão, Cricielle Muniz, ressaltou a participação dos Agentes Jovens Ambientais do Maranhão no debate em defesa da Amazônia. “É um debate importante e tão necessário para o Brasil, diante da crise ambiental que vivemos hoje em nosso país. Os Agentes Jovens Ambientais, instituídos pelo governo Flávio Dino, participaram desse momento de forma bem permanente e ativa, e ajudou a construir esse debate para o nosso país, em defesa da Amazônia”, ressaltou.

Estudantes dos diversos Estados brasileiros participaram do Encontro na cidade de São Luís, em defesa da Amazônia

Estudantes de munícipios dos diversos estados brasileiros pertencentes à Amazônia Legal participaram do Encontro. A estudante de Ciências Sociais da Universidade Federal do Pará, Gabryela Lobato, e representante do Movimento Estudantil Coletivo Juntos, ressaltou a importância do debate.

“A importância desse encontro se dá muito pela conjuntura que a gente está vivendo. São diversos ataques à Educação, corte de bolsas nos cursos de graduação e pós-graduação e quando a gente vem para Amazônia, vê diversos ataques ao meio ambiente e aos povos tradicionais. A conjuntura de ser um estudante na Amazônia engloba tudo isso, a gente está em defesa da educação, mas também está em defesa do nosso território”, concluiu.

Fonte: Seduc
Fotos: Antônio Martins e Cinaldo Oliveira

Continuar Lendo

Educação

Mais de 350 alunos recebem certificação de cursos do IEMA na Baixada Maranhense

A Capacitação foi oferecida no IEMA Vocacional por meio do Programa Trabalho Jovem.

Publicado

em

Por

O Governo do Estado certificou 369 alunos da Baixada Maranhense, que concluíram cursos profissionalizantes ofertados pelo Instituto Estadual de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA) Vocacional, por meio do Programa Trabalho Jovem. As cerimônias de certificação aconteceram quarta-feira (24), no município de Matinha; e quinta-feira (25), nas cidades de Arari e Bacurituba.

“O governador Flávio Dino e o secretário Felipe Camarão estão investindo fortemente na qualificação dos jovens, sobretudo nesse momento de grave crise financeira, com foco na geração de emprego e renda. Na baixada, estamos levando mais oportunidades e perspectivas de emprego com esses cursos profissionalizantes”, pontuou o secretário adjunto da Seduc, André Bello.

“Com esse curso, a gente está capacitado para trabalhar, ensinar os nossos filhos e netos e ter uma alimentação adequada, longe de agrotóxico. O curso é de grande importância e agora posso ingressar no mercado de trabalho, ajudar minha família e a minha comunidade”, expressou Valcline Ferreira, 48 anos, que recebeu certificação do Curso de Agricultura Orgânica, na cidade de Matinha, onde também foi oferecido o curso de Eletricista Predial.

O ex-prefeito de Matinha, Beto Pixuta, agradeceu o governo pela implantação dos cursos do IEMA no município. “Hoje é um motivo de grande satisfação em Matinha, onde os alunos dos cursos receberam seus certificados e nós só temos que agradecer ao secretário Felipe Camarão, que atendeu ao nosso pedido e sobretudo porque essa certificação vem engrandecer a nossa cidade e fomentar a economia do município”, destacou.

Em Arari, 169 estudantes receberam certificação nos cursos de Cabeleireiro, Eletricista Predial, Instalação e Manutenção de Ar-condicionado e Soldador.

O prefeito de Arari, Ruy Filho, agradeceu a parceria do Governo do Estado. “Agradeço pelas ações e investimentos para os nossos jovens de Arari. Quero manter durante esses quatros anos de gestão a oferta de cursos de qualificação”, apontou.

O jovem Marcelo Rodrigues, representando sua turma do curso de Cabeleireiro, destacou a importância da formação de novos profissionais. “Fiz o curso e já estou até trabalhando. Alguns dos meus colegas também já estão trabalhando. Foi muito importante para todos nós esse curso”, disse.

Já Clayton Vieira, que fez o curso de Soldador, ressaltou a empregabilidade que há após a qualificação. “Optei por esse curso porque tem muita oportunidade, tanto aqui quanto em outros lugares. Há uma demanda grande, por isso me qualifiquei”, comentou.

Em Bacurituba, os cursos oferecidos à população foram de Artesão em Trabalhos Manuais, Corte e Costura Industrial, Agricultor Orgânico, Eletricista Predial e Montagem e Manutenção de Computadores.

A solenidade, realizada na tarde desta quinta-feira (25), certificou 137 jovens e adultos em três polos: povoado Santa Maria (Cursos – Artesão em Trabalhos Manuais e Corte e Costura Industrial); povoado São Miguel (Agricultor Orgânico) e na sede do município, com oferta de Eletricista Predial e Montagem e Manutenção de Computadores.

Fonte: Seduc

Continuar Lendo

Educação

Felipe Camarão e Governo Flávio Dino farão inaugurações de bibliotecas públicas pelo Maranhão

Além disse serão inaugurados 5 Faróis do Saber.

Publicado

em

Por

Nesta quinta-feira (25), o secretário de Estado da Educação Felipe Camarão, por meio do Governo Flávio Dino, farão inaugurações de bibliotecas públicas em várias cidades do Maranhão.

“Amanhã o governo Flávio Dino vai fazer mais uma grande ação. Iremos fazer um dia D de inaugurações de bibliotecas públicas no Maranhão. Serão 5 (CINCO) Faróis do Saber reformados nas cidades de Vitória do Mearim, Arari, São João Batista, Mirinzal e Bacuri, além de 2 (DUAS) girotecas implantadas em escolas quilombolas nas cidades de Mirinzal e São Vicente Ferrer”, disse o secretário.

#MaranhãoMaisLeitor #EscolaDigna

Continuar Lendo

Destaques da Semana