Connect with us
Hora

Notícia Geral

FILHO DO PREFEITO DE TUNTUM MORRE EM ACIDENTE DE CARRO

Publicado

em

O acidente que resultou na morte do médico  Rafael  Seabra, ocorreu na madrugada deste sábado  (27) na BR 316, entre os municípios de Alto Alegre  e Peritoró-MA. Dr. Rafael Seabra, trabalhava no hospital geral de Alto alegre, ele é filho de Cleomar Tema, prefeito de Tuntum-MA. 

Dr. Rafael, dirigia uma Toyota Hilux, SW4 que colidiu frontalmente com o ônibus da RA.

Ônibus da RA

Continuar Lendo

Notícia Geral

Bebê de 6 meses é envenenado e suspeito é preso no Maranhão

Segundo a polícia, o principal suspeito do envenenamento é o ex-marido da mãe da criança, que mesmo depois da jovem ter se separado, iniciado uma nova relação e engravidado novamente não aceitava o fim do casamento.

Publicado

em

Por

Um bebê de apenas seis meses foi envenenado em Magalhães de Almeida, 415 km de São Luís, e o suspeito do crime foi preso.

Segundo a mãe do bebê, que prefere não se identificar, um pó, que logo após foi confirmado ser chumbinho, foi encontrado próximo da criança. “Quando eu cheguei lá fora, o Gael chorou. Só que ele estava dormindo bem. Quando ele chorou, que eu volto, ele estava acordado e vi um pó preto nele tipo café, só que não era café, era tipo granulado. Então eu fui lá, lavei ele, só que tinha um cheiro estranho. Levei ele para o hospital e o rapaz falou que parecia chumbinho”, contou.

De acordo com a Polícia Civil, que apura o caso, primeiro o bebê foi levado para um hospital em Magalhães de Almeida. Como o estado de saúde piorou o bebê foi transferido para Parnaíba, onde está internado.

Na unidade hospitalar os médicos constataram que a substância no nariz da criança era veneno. O menino está em coma depois de ter sido diagnosticado com a Covid-19.

Segundo a polícia, o principal suspeito do envenenamento é o ex-marido da mãe da criança, que mesmo depois da jovem ter se separado, iniciado uma nova relação e engravidado novamente não aceitava o fim do casamento.

O homem, que não teve a sua identidade revelada, foi preso pela Polícia Militar e encaminhado para a Delegacia de Chapadinha, na região do Baixo Parnaíba, onde foi autuado em flagrante.

Informações Maranhão de Verdade

Continuar Lendo

Notícia Geral

Bebê de dois meses morre após ser deixado sozinho em casa em Penalva

O pai, de 28 anos, e sua companheira, de 20 anos, foram presos em flagrante.

Publicado

em

Por

Um homem e uma mulher foram presos na tarde desta segunda-feira (24), na cidade de Penalva, a 255 km de São Luís, por suspeita de causarem a morte do próprio filho, um bebê de dois meses.

Segundo informações, o caso aconteceu na região da Trizidela, na noite desse domingo (23).

O pai, de 28 anos, e sua companheira, de 20 anos, foram presos em flagrante. Eles responderão por abandono de incapaz e homicídio culposo.

Segundo investigação preliminar, o casal saiu de casa e deixou o bebê sozinho. Ao retornarem da festa, foram dormir. Quando acordaram, o bebê estava morto.

Uma tia ainda chegou a levar o menino ao hospital, na tentativa de reanimá-lo, mas ele já estava sem vida.

A polícia foi acionada e conduziu os pais à Delegacia Regional de Viana, onde ficarão presos à disposição da Justiça.

O corpo do bebê foi levado ao Instituto Médico Legal (IML), em São Luís, para apurar as causas da morte.

Com informações Jailson Mendes

Continuar Lendo

Notícia Geral

“Besouro Pagodinho” é preso em São Paulo; ele faz vídeos debochando de maranhenses

As investigações surgiram a partir de um vídeo divulgado em redes sociais, onde o preso proferiu ameaças, desacato e injúrias.

Publicado

em

Por

A Polícia Civil do Maranhão conseguiu, na segunda-feira (24), localizar e prender na cidade de São Paulo, um homem, identificado como José da Silva Frazão, conhecido como “Besouro Pagodinho”, pelos crimes de ameaça, desacato e injúrias proferidas contra policiais lotados na Delegacia Regional de Zé Doca. A prisão, que é preventiva, foi executada pela Polícia Civil de São Paulo.

As investigações surgiram a partir de um vídeo divulgado em redes sociais, onde o preso proferiu ameaças, desacato e injúrias contra os servidores da instituição de segurança pública.

Além disso, a equipe investigativa também tomou conhecimento que o investigado havia proferido discurso racista e homofóbico, uma vez que afirmou que se candidataria a deputado federal para dividir o estado do Maranhão e que nessa divisão “os gays, lésbicas e os pretos seriam expulsos”.

Diante dos fatos, a 8ª Delegacia Regional de Zé Doca representou pela prisão preventiva do autor.

O acusado se encontra à disposição do judiciário e as investigações avançam.

Informações Gilberto Lima

Continuar Lendo

Destaques da Semana