Connect with us
Hora

Notícia Geral

Decreto sobre estado de calamidade pública em Codó: Quais os efeitos do decreto para os codoenses? Será se todo esse decreto vai ajudar?

Codó decreta estado de calamidade pública.

Publicado

em

Na última terça-feira (23), a Prefeitura de Codó decretou estado de calamidade pública para fins de prevenção e enfrentamento à Covid-19, de conformidade com o Decreto Municipal 4221/2020 de 23/03/2020.
Pelo documento, fica determinado em todo o município de Codó, momento este em que há um crescente número de casos confirmados de Covid-19 e tem sido verificado uma baixa adesão ao isolamento social, a falta de testes, falta de informações através de boletim epidemiológico atualizados, então fica vedado qualquer tipo de aglomeração em local público ou privado, e estabelece medidas como: a mobilização de todos os órgãos municipais para atuarem nessa prevenção e enfrentamento à Covid-19. Decreta sobre as atividades autorizadas a funcionar, o que envolve, funcionamento de festas, shows e bares em Codó, o funcionamento do comércio, as atividades religiosas, a diminuição de frequentadores em academias, em razão dos riscos de contágio pelo coronavírus 
Além disso, Decreto sobre o funcionamento dos órgãos vinculados ao Poder Executivo, para que todos os servidores utilizem máscaras de proteção, nos diz ainda que as medidas poderão ser avaliadas conforme a evolução dos casos.
Confira na íntegra o decreto.

decreto-4275-2021-530 (1)

 

Notícia Geral

Homenagem do deputado Zito Rolim pelo aniversário de 125 anos de Codó

Deputado Zito Rolim parabeniza Codó pelos seus 125 anos.

Publicado

em

Por

Continuar Lendo

Notícia Geral

Cortes de energia por falta de pagamento estão suspensos até junho

A medida foi decidida pela diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e deve contemplar aproximadamente 12 milhões de famílias.

Publicado

em

Por

Até o dia 30 de junho, estará suspenso em todo o Brasil o corte de energia por inadimplência dos consumidores de baixa renda.
A medida foi decidida pela diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e deve contemplar aproximadamente 12 milhões de famílias.
Terão direito ao desconto as famílias inscritas no Cadastro Único, que tenham renda mensal menor ou igual a meio salário-mínimo por pessoa ou famílias com portador de doença que precise de aparelho elétrico para o tratamento, nesse caso, que tenha renda mensal de até três salários-mínimos.
Está vedado ainda o corte de energia de unidades consumidoras com equipamentos vitais à preservação da vida e dependentes de energia elétrica, além de unidades de saúde, a exemplo de hospitais e centros de produção, armazenamento e distribuição de vacinas.
Continuar Lendo

Notícia Geral

FRANCISCO NAGIB PARABENIZA A CIDADE DE CODÓ PELOS SEUS 125 ANOS DE EMANCIPAÇÃO POLÍTICA

Nossa querida Codó completa 125 anos de história e grandes transformações.

Publicado

em

Por

Sei que no atual momento não temos muito o que comemorar, por isso, minha mensagem hoje é de esperança de dias melhores para todos os codoenses,  um povo forte, alegre, hospitaleiro e aguerrido que muito contribui para a história e crescimento desta bela cidade com a sua força de trabalho, empreendedorismo e amor à sua terra. Não posso deixar de destacar a riqueza das belezas naturais e dos monumentos, o encanto da nossa cultura local, representada pelo bumba-boi, grupos das Juninas caipiras, estilizadas e a música de nossos artistas. clique no link abaixo e veja o vídeo.
 
Sonhamos em ver a cidade sorrindo novamente, com direito a saúde, educação e mais oportunidades para todos. Juntos, já vivemos uma linda história ! Parabéns, Codó, o meu abraço carinhoso a todos vocês, codoenses!
Atenciosamente: 
Francisco Nagib,
Diretor Geral Detran (MA)
Continuar Lendo

Destaques da Semana